MAPA DO SITE ACESSIBILIDADE ALTO CONTRASTE
CEFET-MG

PET conecTTE

Última modificação: Terça-feira, 25 de agosto de 2020

logo-pet-conectte-cor-horiz

O Grupo PET (Programa de Educação Tutorial) conecTTE CEFET-MG é uma proposta interdisciplinar que objetiva fomentar o tripé – ensino, pesquisa e extensão -, unindo diversas áreas do conhecimento do CEFET-MG, por meio da relação entre o trabalho, as tecnologias e a educação, tendo como polos aglutinadores as ciências sociais e as linguagens. O objetivo do grupo é se constituir em um espaço interdisciplinar que se orienta pela noção crítica do trabalho como fundamento das relações sociais, entendido como atividade originária da intermediação entre o ser humano e a natureza, por meio da qual são construídas ciência, técnica, tecnologia e linguagens, todas decorrentes das necessidades de produção e compreensão do processo produtivo, da produção e reprodução humanas. O grupo parte da junção dos campos da linguagem e das ciências sociais como definição e princípio para que se articulem outras áreas do conhecimento na instituição. Acredita-se que tal união é fundamental para ressignificar as tecnologias que emanam do CEFET-MG, entendê-las como produções inseridas na história e na cultura, por isso, não neutras, movidas por interesses, frutos de mobilizações políticas, reflexos de projetos sociais específicos. Nesse sentido, linguagens e ciências sociais unidas também contribuem para dimensionar o papel e a função social da instituição, sobretudo em um país de estruturas econômicas desiguais e de frágil acesso aos espaços de ensino e pesquisa. É por tais princípios que o grupo PET interdisciplinar conecTTE CEFET-MG  objetiva ultrapassar os muros institucionais e por meio do trabalho, das tecnologias e da educação, justifica sua criação ao dinamizar o tripé no envolvimento de quatro grupamentos sociais específicos: 1. alunas e alunos dos cursos de graduação do CEFET-MG; 2. docentes da graduação do CEFET-MG; 3. populações vulneráveis de aglomerados, vilas e favelas do entorno da região Oeste de Belo Horizonte; 4. populações vulneráveis decorrentes dos fluxos migratórios na região metropolitana de Belo Horizonte (RMBH).

Tutores
Bráulio Silva Chaves – DCSF
Fábio Aparecido Martins Bezerra – DCSF
Mabel Rocha Couto – DCSA (Departamento de Ciências Sociais Aplicadas)

Colaboradores
Carolyne Reis – Departamento de Psicologia – UFMG
Cláudia França – (DADT) Departamento de Arte, Design e Tecnologia
Cristiana Guimarães – DCSF
Huener Silva Gonçalves – DCSF
Lucas Araújo Dutra Rodrigues – Instituto René Rachou – FIOCRUZ MINAS
Vera Aguiar Cotrim – DCSF

Discentes
André Andrade Benício – Engenharia de Transportes
Alexandre da Silva – Engenharia Ambiental e Sanitária
Aline Paula Vilene dos Santos – Letras-Tecnologias de Edição
Ana Carolina Ribeiro Menezes – Química Tecnológica
Arthur Enes Pereira – Engenharia Elétrica
Brisa Lourenço Braga – Engenharia Ambiental e Sanitária
Clarice Otero Sampaio – Engenharia Ambiental e Sanitária
Ercilene Micaela Brito da Silva – Química Tecnológica
Guilherme Martinho Fernandes – Engenharia Mecânica
Hemerson Danyel Antunes Bispo – Química Tecnológica
Keila Gonzaga Fagundes – Engenharia Mecânica
Pedro Augusto dos Anjos Souza – Engenharia Ambiental e Sanitária
Plínio Lucas da Silva Catalán – Engenharia Ambiental e Sanitária
Tiago Filizzola Lima – Engenharia Ambiental e Sanitária